PADRONIZAÇÃO DOS TIPOS DE CURATIVOS - Parte 9

Aspiração

Material: Todo material para curativo mais uma seringa de 10ml e agulhas 4012.

Procedimentos:

  1. Proceder a limpeza mais solução fisiológica;
  2. Coletar material utilizando seringa com agulha;
  3. Identificar a amostra e encaminhar ao laboratório.

Quando não for possível a realização da técnica de aspiração, realizar a coleta com Swab.


---------------------------------------------------------------------------------------------
Swab:

Material: Todo material para curativo mais um Swab com meio de cultura.
Procedimentos:

  1. Limpar minuciosamente a ferida com soro fisiológico;
  2. Gire suavemente o Swab no interior da ferida e depois bordas da ferida.
  3. Coloque o Swab em meio de cultura, identifique-o e encaminhe ao Laboratório 
  4. Uso de Antimicrobianos para o Tratamento das Feridas:

O tratamento das Úlceras infectadas deve ser primeiramente local com utilização adequada dos curativos e acompanhamento dos casos.

O uso de antimicrobianos sistêmicos deve ser reservado para os casos em que houver comprometimento local além das bordas, com hiperemia e calor local evidente (celulite) ou repercussão sistêmica (p. ex. febre) sem outro foco evidente.

O uso indiscriminado de antimicrobianos pode causar seleção de patógenos resistentes sem benefício para o paciente.


---------------------------------------------------------------------------------------------

Fonte: